sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Abaixo do lado esquerdo.

Havia uma garota.
Havia um garoto.
Também havia um trêm, uma viagem e uma preocupação.
A garota acenava na plataforma, com os olhos em lágrimas, sentindo-se confusa.
O garoto acenava da janela do trem, preocupado, mas feliz.

A garota se sentia como uma qualquer, enroscada em seus lençóis.
O garoto se sentia feliz, por estar se divertindo e por saber que alguém o esperava.
A garota se martirizava, pensando todo o tipo de besteira existente
Sutilmente, o garoto rezava, para que tudo estivesse bem com ela.

A garota conhecia o fundo do copo, cansada de esperar.
O garoto conhecia a cidade, feliz por variar.
A garota fazia sua rotina habitual, com o pensamento longe
O garoto saia da rotina, com o pensamento mais longe ainda.

Novamente, a garota se encontrava na plataforma, cabisbaixa, esperando.
Novamente, o garoto se debruçava sobre a janela, a procurando em meio a multidão.
Em um relance, uma fração de segundo, um olhar, quatro lágrimas, braços estendidos.
E um minuto, um abraço.
Em um segundo, ele dizia o que estava em sua garganta a dias, e em um segundo, ela ouvia o que esperava a dias.
- Eu senti a sua falta! - diziam em prantos.

3 comentários:

Letícia disse...

Num sei porque Bru, mas isso pareceu tanntoo a minha cara :S

Chorei.

Leco disse...

n sei pq mas isso pareceu MUITO a minha cara tb soh falta a parte do encontro :x

Woodabolis disse...

com certeza, a minha cara *o*